Quinta de Arcossó Branco 2020

7,50 €

Apresenta-se límpido e citrino com tons esverdeados, aroma intenso ao fruto primário e citrinos. Na boca mostra-se generoso no volume, vivo na acidez, com notas amanteigadas e fruta madura, o final é longo e saboroso. 

More details

Em Stock

Adicionar à Lista de desejos

Pré-visualizar os custos de transporte
Produtor Produtor: Quinta de Arcossó
Enólogos: Francisco Montenegro e Amílcar Salgado
Região Trás-os-Montes DOC
Castas Fernão Pires (50%), Moscatel Galego (25%) e Vinha Velha (25%).
Solo Uvas provenientes de uma parcela de 2,5 hectares e de uma vinha muito velha (mais de 130 anos) com 1 hectare, com castas brancas e tintas misturadas, sem qualquer orientação de linhas. As vinhas estão numa encosta ampla de média altitude (375 metros), expostas a Sul, o solo é de origem granítica.
Vinificação Fermentação alcoólica em inox com bâtonnage diária durante 40 dias.
Estágio Estágio em inox.
Volume Teor Alcoólico: 13,5% Volume
Capacidade: 75 cl
Temperatura 8ºC - 10ºC
Harmonizações Peixes, mariscos e saladas.

Poderia dizer-se que, quando Amílcar Salgado abriu os portões da Quinta de Arcossó, não viu apenas uma quinta transmontana, vislumbrou um sonho que o acompanha desde a sua infância, que foi amadurecendo e, atualmente, já se materializou numa garrafa de vinho de excelência.

Arcossó foi a terra que o viu nascer e crescer pelo que, a escolha do terreno, não foi um acaso… por lá passava todos os dias enquanto estudante em Chaves. Em 2001, adquiriu estes 16 hectares de terreno na microrregião da Ribeira de Oura, junto a Vidago-Chaves que, de acordo com o conhecimento que existia sobre esta zona, seria o melhor local para fazer vinho nesta região. Foi um regresso muito natural à terra e à viticultura, atividade agrícola que aprendeu com a sua família enquanto criança. Um projeto que não veio descobrir nada de novo, apenas reinterpretar aquilo que existia, adaptando-o aos tempos atuais.

Fiel ao objetivo inicial a que se propôs, plantar uma vinha modelo para a região em 2003 foram plantados os primeiros 12 hectares de vinha e o primeiro vinho foi produzido em 2005. Atualmente, a plantação cresceu, com mais 8 hectares de vinha e mais 1 hectare de vinha velha, outrora abandonada, com uma mistura eclética de várias castas, preservando assim o passado. Foi um trabalho pioneiro que contou com a colaboração do técnico de viticultura Rui Soares  e do enólogo  Francisco Montenegro que ainda hoje se mantêm a trabalhar com a Quinta. Sendo um projeto de desenvolvimento local, só faria sentido se contasse também com a colaboração das gentes da terra, trabalhadores rurais dotados da experiência e do saber tradicional desta zona. E, essa relação de proximidade entre as equipas técnica e rural, envolvidas no projeto desde a instalação da vinha é, seguramente, outro ponto diferenciador deste projeto.

Seco Doce
Sem madeira Estágio barrica
Leve Encorpado
Beber já Para a cave

Sugerimos outros produtos em que possa estar interessado!

Utilizamos cookies. Ao continuar a navegar, assumimos que concorda com o seu uso. OK

Subscreva a nossa Newsletter



Subscreva a nossa Newsletter



A Wineclick irá utilizar a informação que fornecer neste formulário para entrar em contato consigo no âmbito das suas atividades comerciais e tendo em vista a finalidade de marketing. Por favor, confirme se podemos entrar em contato consigo por email selecionando o campo em baixo:

x Já se vai embora?

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!
x Não perca esta oferta!

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!