Quinta da Escusa Harvest Branco 2016 Ver maior

WVQEHB16

Quinta da Escusa Harvest Branco 2016

8,50 €

Vinho branco produzido a partir de uvas Arinto e Moscatel de Alexandria, provenientes de vinhas localizadas na Quinta da Escusa, concelho de Rio Maior, distrito de Santarém, cultivadas com recurso a práticas sustentáveis certificadas pelas Normas de Produção Integrada. Teve fermentação em lagares e estágio de 6 meses em cuba de inox. Apresenta cor citrina, com laivos dourados, aromas de fruta de caroço com notas de cidreira. Na boca é fresco, floral e equilibrado.

More details

Em Stock

Adicionar à Lista de desejos

Pré-visualizar os custos de transporte
Seco Doce
Sem madeira Estágio barrica
Leve Encorpado
Beber já Para a cave
Produtor Produtor: Casa Romana Vini
Enólogo António Ventura
Adega Tejo Regional
Castas Arinto (65%) e Moscatel de Alexandria (35%)
Volume Teor Alcoólico: 12,5% Volume
Capacidade: 75 cl
Harmonizações Saladas, pratos de peixe ou simplesmeente para beber a solo
Temperatura Ideal: 7º a 9ºC
Prémios do Vinho Medalha de Ouro - Concurso Portugal Wine Trophy 2018
Medalha de Prata - Concuso Vinhos Portugal 2018
Medalha de Ouro - Concurso dos Vinhos do Tejo 2019
90 Pontos - Charles Metcalfe

A Romana Vini produz os seus vinhos nos Estates Quinta do Porto Nogueira e Quinta da Escusa, os quais distam entre si apenas cerca de 12 Km, ainda assim, em diferentes regiões vitícolas: a Quinta do Porto Nogueira na região de Lisboa (DOC Óbidos) e a Quinta da Escusa na região Tejo (DOC Santarém).

A Quinta da Escusa está localizada no lugar da Senhora da Escusa, concelho de Rio Maior, cerca de 70 Km a nordeste de Lisboa, estende-se por um longo vale que liga as aldeias de Quintas e de Vale Barco. Parte dos terrenos da Quinta da Escusa pertenciam aos avós e aos pais dos atuais proprietários que, ao longo de décadas, aí exerceram a agricultura e a viticultura. Desde 1929, produziram o seu próprio vinho em adega ainda hoje aí existente. Nos terrenos da Quinta da Escusa, durante séculos, a principal cultura foi a vinha, agora reposta e plantada nos seus terroirs originais.

As vinhas da Quinta da Escusa produzem em terrenos arenosos, mas férteis, situados entre a Serra de Aire e Candeeiros e a Serra de Montejunto, a sul do rio Tejo, na charneca ribatejana, marcados por um clima especialmente quente no Verão, onde a maturação das uvas é mais rápida. Nos cerca de 10 hectares de vinhas da Quinta da Escusa - com a categoria DOC Santarém - cada parcela de vinha é tratada e valorizada como única e distinta, tendo sempre como objetivo produzir grandes vinhos.

Terrenos excelentes para a produção das uvas tintas Touriga Nacional, Alicante Bouschet, Tinta Miúda, Sousão, Castelão e Syrah e muito bons para a produção das uvas brancas Arinto e Moscatel Alexandria.

Sustentabilidade e Biodiversidade
As vinhas são cultivadas com reduzida mobilização de solos, e não utilizam herbicidas. O enriquecimento dos solos é feito com estrume natural. Adotam práticas ambientalmente sustentáveis, e são certificados pelas Normas Integradas de Produção.
Em 2019 iniciaram a implementação de plano a 3 anos, para certificação das vinhas em Modo de Produção Biológico.

Toda a energia consumida na  adega e no enoturismo é produzida em Porto Nogueira, a partir de fontes renováveis (solar) assegurando a  auto suficiência energética.

Mantém um programa permanente de florestação e reflorestação nos terrenos que rodeiam a adega e as vinhas, certificado pelas normas FSC – Forest Stewardship Council.

A escolha das uvas
Adotam um processo de triagens sucessivas que assegura a seleção das melhores uvas: mondas pré-vindimas, escolha de cachos na própria vindima, escolha de cachos na adega e escolha de bagos na mesa.

Adega e Caves
Apenas vinificam as próprias uvas. As uvas brancas depois de prensadas, fermentam em pequenas cubas. Os vinhos brancos varietais e blends da categoria Reserva estagiam em barricas de carvalho francês ou americano, sob borra fina, com batonnage. As uvas tintas são suavemente pisadas e maceradas em lagares e fermentadas em pequenas cubas.

Parte dos vinhos tintos da categoria Harvest, e todos os vinhos varietais e blends da categoria Reserva estagiam em barricas de carvalho francês e/ou americano, das conceituadas tanoarias Séguin Moreau e JM Gonçalves.

Sugerimos outro produto em que possa estar interessado!

Utilizamos cookies. Ao continuar a navegar, assumimos que concorda com o seu uso. OK

Subscreva a nossa Newsletter



Subscreva a nossa Newsletter



A Wineclick irá utilizar a informação que fornecer neste formulário para entrar em contato consigo no âmbito das suas atividades comerciais e tendo em vista a finalidade de marketing. Por favor, confirme se podemos entrar em contato consigo por email selecionando o campo em baixo:

x Já se vai embora?

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!
x Não perca esta oferta!

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!