Suertes del Marqués 7 Fuentes El Lance Tinto 2018

15,90 €

Aroma de especiarias, fruta fresca, floral, com notas de pedra-pomes molhada. Na boca é complexo, leve, com acidez fresca, taninos finos e um agradável final mineral.

More details

Em Stock

Adicionar à Lista de desejos

Pré-visualizar os custos de transporte
Produtor Suertes del Marqués
Região Estrangeiro País: Espanha
Região: Tenerife - Vale de La Orotava
Castas Listán Negro (60%), Castellana Negra (25%) e Vijariego Negro (15%)
Solo Várias parcelas de vinha com idades entre os 10 e 150 anos de viticultores locais. As altitudes variam dos 300 a 600 metros acima do nível do mar, com solos vulcânicos com diferentes composições de superfície.
Vinificação Fermentação alcoólica com leveduras indígenas em cubas de cimento não revestidas. Fermentação maloláctica em cubas de cimento e barricas usadas de carvalho francês de 500 litros.
Estágio 9 meses em barricas usadas de carvalho francês de 500 litros (80%) e cubas de cimento (20%).
Capacidade 750 ml
Volume Teor Alcoólico: 12,5%
Temperatura 14ºC - 16ºC
Harmonizações Carnes vermelhas grelhadas, carnes brancas assadas e pratos de cogumelos.
Prémios do Vinho 93 Pontos - Robert Parker

Suertes del Marqués é uma adega familiar que produz vinhos desde 2006, no entanto, a sua tradição como vitivinícola data do final dos anos 80, cultivando e vendendo as suas uvas a outras adegas da Apellation Valle de La Orotava.

Situam-se no norte da ilha de Tenerife, no Valle de La Orotava, um vale dentro da cidade com o mesmo nome.

Sem perder de vista o respeito pela tradição, pedra angular da sua filosofia, praticam a mínima intervenção enológica na produção dos seus vinhos, pelo que trabalham com leveduras indígenas, evitam o racking e utilizam quantidades mínimas de enxofre.

Na adega, todos os processos são realizados à mão, desde os trabalhos na vinha até à colheita. Evitam qualquer tratamento sistémico na vinha, utilizando produtos naturais quando surgem doenças na vinha.

Ambiente e variedades
Os vinhedos de Suertes del Marqués estão localizados no Valle de La Orotava, um vale no lado norte da ilha de Tenerife. A propriedade é formada por 11 hectares de vinhedos que vão de 300 a 750 metros acima do nível do mar, com diferentes orientações e composição do solo. Além disso, Suertes del Marqués trabalha mais 15 hectares com viticultores da área com vinhedos com altitudes entre 250-800 metros.

Centenárias cepas não trabalhadas de uvas listadas a preto e branco compõem a maior parte das vinhas. Cultivadas em "cordon multiple", as uvas listadas coexistem com outras castas nativas de vinhas jovens e velhas como Vijariego Negro, Baboso Negro, Castellana Negra, Malvasia Rosada ou Volcanic Torrontés , cultivadas no sistema Cordon Royat, Trenzado ou Bush.

Filosofia
Desde 2006, nesta pequena adega familiar, optaram pela utilização de castas nativas e métodos tradicionais para o maneio da vinha. A fim de preservar um património que remonta a cinco séculos atrás, apenas trabalham com viticultores do Valle de La Orotava.

A Adega
A adega está equipada com diferentes volumes de tanques de betão não revestidos, nos quais realizam a fermentação dos vinhos, e o refinamento dos vinhos de certas parcelas.

O envelhecimento é efetuado em pequenas barricas de carvalho francês de 500 litros, mas também usam tamanhos maiores, de 2000 a 4500 litros. Concebem a sua utilização apenas como uma ferramenta para o processo de refinamento, e não para lhes proporcionar quaisquer nuances.

Além disso, usam tanques de aço inoxidável de diferentes volumes, que lhes permitem efetuar a mistura de várias parcelas para os seus Village Wines, e dos diferentes barris para os seus vinhos de uma só vinha, antes da etapa de engarrafamento.
Os vinhos
Os vinhos podem ser classificados em três secções:

- Os Village, que vêm de várias parcelas de vinha e da propriedade, vinificados separadamente e misturados antes do engarrafamento. Dentro desta linha têm os: 7 Fuentes, El Lance, Medianías e Trenzado;

- Os Single Vineyard, provenientes de parcelas específicas da propriedade, conhecida como Finca El Esquilón, que são vinificados e engarrafados separadamente, dando nomes a vinhos como La Solana, Candio, El Esquilón, El Chibirique, Los Pasitos e Vidonia;

- Finalmente, as duas vinificações especiais chamadas Suertes del Marqués Blanco Dulce e Tinto Dulce.

Seco Doce
Sem madeira Estágio barrica
Leve Encorpado
Beber já Para a cave

Sugerimos outros produtos em que possa estar interessado!

Utilizamos cookies. Ao continuar a navegar, assumimos que concorda com o seu uso. OK

Subscreva a nossa Newsletter



Subscreva a nossa Newsletter



A Wineclick irá utilizar a informação que fornecer neste formulário para entrar em contato consigo no âmbito das suas atividades comerciais e tendo em vista a finalidade de marketing. Por favor, confirme se podemos entrar em contato consigo por email selecionando o campo em baixo:

x Já se vai embora?

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!
x Não perca esta oferta!

Ganhe 10% desconto na sua primeira compra ao registar-se na nossa Newsletter!

Fazer já o registo!